Espírito Santo da Fortaleza… Não morre! Renasce…

por Jean Mello

Espírito Santo da FortalezaOuço, em demasia, a máxima de que as pessoas boas vão embora num piscar de olhos, enquanto as más ficam para nos atormentar. Geralmente, não paro para discutir a veracidade, ou melhor, dizendo, a precisão das palavras que acabo de usar para inauguração deste breve relato.

Costumo escrever o que sinto. Pode ser ou não fruto de pesquisas sistemáticas ou sistêmicas. Mas, na maioria das vezes, é apenas o que sinto mesmo, o que brota de dentro, tácito, presente em cada poro. Para assumir isto é necessário acreditar que as ideias e as pessoas estão em transição, atualmente. Presente em minhas elucubrações é a presença verdadeira de um olhar, angustiado e angustiante, ao mesmo tempo, repleto da mais genuína esperança de que não mais seremos enganados pelas ilusões da atualidade com suas raízes no passado, para caminharmos em direção ao verdadeiro iluminismo, não mais o falso.

As palavras, aqui grafadas, nasceram porque uma boa pessoa de minha família faleceu. Uma tia, extremamente jovem. Dentista negra, lutadora, inteligente, princesa e rainha, quilombola, utópica, linda e mãe de todos e todas que apareciam em sua frente, Aninha. Diante disto, minha impotência me deixa chorar, clamar, questionar, escrever… escrever… escrever… inscrever em minhas imperfeições a certeza de não ter respostas!

E, olha que não faz muitos dias, ela transmitiu abertamente no Facebook sua admiração pelos meus escritos. Pode procurar em minha página, está lá aberto. Ironia, alguém tão ilustre dizer algo que eu teria de dizer! Mas pude, continuarei dizendo: minha tia, inspiração, inspiradora, militante, guerreira, linda, quilombola que vivia com maestria, sabedoria, ao lado dos quilombos urbanos, assim como eu.

Na mesma mensagem que te chamei para vasculhar, pesquisar, ver… ela disse que gostaria de estar presente no lançamento de meu primeiro livro. Se depender de mim, preservarei sua memória viva por lá. Estar ou não deste lado da vida depende de como os vivos relembram os que fisicamente já se foram, mas podem, tranquilamente, permanecer em nossos mais remotos pensamentos.

Vá em paz, melhor dizendo, fique em paz… viva está na memória daqueles que te amam.

Fonte: JeanMelloOrg

2 pensamentos sobre “Espírito Santo da Fortaleza… Não morre! Renasce…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s